Rock Clássico? 13 bandas novas que parecem bandas antigas

    395

    Se você é fã do Rock Clássico, imagino que deve sentir a mesma emoção que eu sinto quando me deparo com uma banda relativamente nova, que oferece um som que remete à “era de ouro” do gênero. E sim, há muitas bandas que seguem por esse caminho.

    Na verdade, sempre que uma banda dessas surge, temos aquele clássico movimento dos fãs, indicando que o Rock não morreu. De fato, é essa a sensação que temos quando ouvimos canções que parecem ter sido criadas pelas maiores bandas de Rock antigas.

    Enfim, como você já deve ter percebido, resolvi criar este post para falar sobre bandas relativamente novas, mas que apresentam uma sonoridade típica do Rock clássico. Em outras palavras, esta seleção vai colocar você diante dos “salvadores do Rock and Roll”… posso “dar o play”?

    Greta Van Fleet

    Abrindo esta lista de “revelações” com uma sonoridade típica do Rock clássico, temos a banda Greta Van Fleet. Os roqueiros deram início às suas atividades em 2012 e, de certo modo, sintetizam a ideia desta seleção de forma perfeita, já que seu som remete ao Led Zeppelin de uma forma impressionante.

    Vale ressaltar que os músicos lançaram apenas dois álbuns até o momento, sendo o primeiro registro aquele que surpreendeu o mundo e o segundo, aquele que consolidou a banda e a afastou da sombra do Led. De qualquer forma, é bom você não deixar de conferir o som dos caras.

    Dirty Honey

    Mesmo com apenas um álbum lançado até o momento, a banda Dirty Honey já conseguiu se consolidar como uma das representantes do grupo dos “salvadores do Rock and Roll”. Aliás, o quarteto já abriu shows para grandes lendas e segue fazendo sucesso.

    Apresentando um som que remete a bandas como Led Zeppelin e Aerosmith, os músicos já deixaram claro que realmente têm a intenção de promover um “revival” e suas canções têm uma pegada animada a ponto de fazer a gente ficar torcendo por um novo álbum.

    Hurricanes

    Falemos agora da banda Hurricanes, que eu descobri recentemente, mas já adicionei às minhas playlists. Detalhe: para quem curte bandas brasileiras que produzem canções em inglês, essa é uma opção digna de nota, que remete ao Led, ao The Black Crowes e a outras lendas do Rock and Roll.

    Até o momento, a banda não lançou um álbum de estreia, mas já apresentou uma boa série de singles interessantes e um ótimo EP. Além disso, por meio do Youtube, os roqueiros estão sempre liberando releituras de grandes canções e mostrando que realmente amam o Rock clássico.

    Goodbye June

    E agora, temos a banda Goodbye June, que foi fundada em 2009, mas só apresentou um primeiro álbum em 2012 e só começou a fazer sucesso de verdade após a estreia do álbum Magic Valley, de 2017. Detalhe: os caras contam com influências de peso e ainda adicionam uma boa dose de blues ao seu som.

    Assim, podemos dizer que essa é uma banda que segue as mesmas bases que deram vida às bandas mais antigas, mas não deixam de incluir suas próprias assinaturas. Sendo assim, se você busca por algo novo, mas com uma “pitada” de coisas antigas, essa é uma opção interessante.

    Crown Lands

    Dentre todas as bandas citadas nesta lista, a excelente Crown Lands é uma das mais diferenciadas e impressionantes. Para começar, estamos falando de um duo. Isso mesmo! Temos apenas dois caras tocando vários instrumentos e suprindo a falta de mais pessoas de forma perfeita.

    Em termos de sonoridade, temos algo que se encaixa entre um Led Zeppelin e um Rush, com uma pitada de elementos modernos. Os roqueiros deram início às suas atividades em 2015 e contam com dois álbuns, sendo que o segundo foi lançado há poucos dias, ou seja, você poderá conhecer a banda com o apoio de um material “fresquinho”.

    Joyous Wolf

    Outra banda que pega todas as influências do Rock clássico e traz para os dias de hoje é a ótima Joyous Wolf. Aliás, não seria exagero algum dizer que a voz do frontman Nick Resse remete a algumas bandas grunge que marcaram época, o que deixa as coisas ainda mais interessantes.

    É importante ressaltar que os caras deram início às suas atividades em 2014 e parecem estar preparando uma grande novidade, já que seu site oficial está antecipando algo nesse sentido e já faz um tempo que não temos acesso a novos registros. Portanto, acompanhar as movimentações dos músicos pode acabar “dando em coisa boa”.

    The Struts

    No ponto central desta lista, temos a banda The Struts, que surgiu em 2009, mas só lançou o seu primeiro álbum em 2014. E mais, esse registro fez tanto sucesso que os caras chegaram a ser convidados para abrir alguns shows da banda The Rolling Stones.

    Em linhas gerais, o quarteto é bem talentoso, mas o vocalista Luke Spiller é um espetáculo à parte, já que seu estilo remete a lendas como Freddie Mercury e David Bowie. Sem dúvidas, essa é uma banda moderna que parece ter nascido na década de 1970.

    King Gizzard & the Lizard Wizard

    E para aqueles que curtem os clássicos do Rock Progressivo, com um pouco de psicodelia, a banda King Gizzard & the Lizard Wizard é a opção perfeita. E só para constar, os roqueiros deram início às atividades em 2010 e já contam com mais de 20 álbuns em sua discografia.

    Pois é! Poucos músicos são tão prolíficos quanto esses caras e tudo indica que eles vão continuar trabalhando com essa mesma intensidade por um bom tempo. Lembrando que a banda ficou conhecida por apresentar algumas faixas com muitos minutos de duração e performances ao vivo memoráveis.

    Starbenders

    Na ativa desde 2013, a banda Starbenders é mais uma que não poderia ficar de fora desta lista com “representantes modernos” do Rock clássico. Afinal, os álbuns lançados até o momento são verdadeiras homenagens ao Glam Rock e a talentosa Kimi Shelter já se tornou uma das mais importantes “mulheres do rock” da atualidade.

    Cabe destacar que a banda vem apresentando uma boa série de singles nos últimos tempos, mas ainda não confirmou se vai ou não lançar um novo álbum. Ainda assim, o material que já está à disposição merece ser consumido com uma atenção especial.

    Tyler Bryant & The Shakedown

    A banda Tyler Bryant & The Shakedown também não poderia ficar de fora desta seleção. Isto é, temos aqui uma representante de peso do Rock “das antigas”, que já abriu shows para nomes pesados, como Jeff Beck, ZZ Top, Aerosmith, AC/DC, entre outros.

    Como o próprio nome da banda sugere, o vocalista e guitarrista Tyler Bryant desponta como um grande destaque, por ter o estilo perfeitamente adequado com aquele que era exibido pelos roqueiros da década de 1970. E no que tange ao som, os caras estão sempre adicionando novos elementos aos sons antigos, o que gera produtos incríveis.

    Dorothy

    Com um “ar de Joan Jett and the Black Hearts”, a banda Dorothy já marcou presença em diversas listas com revelações do Rock e vem apresentando uma boa série de canções de qualidade desde 2014. E mais, as performances ao vivo costumam “sacudir a galera”.

    Ostentando três belos álbuns em sua discografia, a banda tem como destaque a vocalista Dorothy Martin, cujo potencial vocal impressiona bastante. Em suma, essa é mais uma excelente opção para quem busca por canções mais movimentadas e com um pouco de blues.

    Larkin Poe

    Conhecidas como as “irmãs mais novas dos Allman Brothers”, as talentosas Rebecca e Megan Lovell lideram o Larkin Poe, que é apresentado como um duo, mas tem outros membros fixos, formando assim uma banda que merece a sua total atenção.

    Em sua discografia, a banda conta com alguns álbuns memoráveis, que abarcam canções que remetem ao Blues, ao Hard Rock e outros gêneros clássicos. Para completar, as vozes das irmãs Lovell são incríveis e conseguem prender a atenção de quem as ouve.

    Rival Sons

    Colocando um ponto final nesta lista com grandes bandas, temos a incrível Rival Sons. Fundada em 2009, essa banda é sempre citada como uma das responsáveis por manter o Rock and Roll vivo. E não, isso não é um exagero, já que o som dos caras é realmente um tributo ao Rock clássico.

    Até o momento, os roqueiros já lançaram seis belos álbuns, mas essa contagem deverá aumentar para oito até o fim deste ano. Sim, eles vão lançar dois discos novos em 2023 e as primeiras “amostras grátis” já indicaram que não podemos deixar de acompanhar as estreias desses registros.

    E não deixe de citar outras “representantes modernas” do Rock clássico!

    Como pôde perceber, quando o assunto é bandas modernas que tocam canções que remetem à “fase de ouro” do Rock and Roll, as opções são muitas. Na realidade, as opções são tantas que esta lista poderia ter ficado bem maior, mas eu resolvi parar por aqui e dar a você a oportunidade de fazer outras indicações.

    Para tanto, sugiro que você não deixe de compartilhar o post, fazendo menções a outras bandas relativamente novas, mas que apresentam um som perfeitamente encaixado com as nuances do Rock clássico. Se você fizer isso, mais pessoas vão ficar sabendo sobre essas bandas incríveis e teremos ainda mais sugestões. Conto com o seu apoio. Até a próxima…