Início Últimas Notícias Internacionais Em entrevista ao Jornal da Globo, Roger Waters descarta chances de uma...

Em entrevista ao Jornal da Globo, Roger Waters descarta chances de uma reunião do Pink Floyd

127
Roger Waters
Roger Waters

Nos últimos tempos, o nome do lendário Roger Waters tem sido bastante citado, por conta dos seus projetos musicais, das declarações polêmicas e, principalmente, devido à infindável batalha entre ele e David Gilmour.

Agora, para os azar dos fãs, Roger deixou claro que uma reunião do Pink Floyd não tem chances de acontecer. E mais, ao longo de uma entrevista dada ao Jornal da Globo, o músico abordou temas bem interessantes e chegou a citar o Brasil… vamos aos detalhes?

Roger Waters, em entrevista…

Roger Waters, em entrevista...

No dia 26 de junho, o Jornal da Globo exibiu uma reportagem chamando a atenção para o lançamento do filme Us + Them, que conta a história da turnê mundial do lendário músico britânico.

Apesar de o foco da reportagem ter sido a divulgação dessa produção, uma conversa entre o jornalista Marcelo Courrege e Waters acabou chamando ainda mais atenção.

Em uma conferência de vídeo, Courrege não fez rodeios e lançou a pergunta que todos sempre fazem, ou seja, “e quanto à reunião do Pink Floyd”? Waters deu a entender que a reunião não deverá acontecer…

“Não há como colocar esses dois [Nick Mason e David Gilmour] no mesmo cesto. Pelo menos para mim. O Nick Mason é meu amigo. Existe essa coisa também de que eu fui brigar na justiça contra eles, mas eu nunca cheguei perto de um tribunal. Só fui me aconselhar legalmente pra saber se eu poderia aposentar o nome da banda e me disseram categoricamente: ‘não’. Aí eu disse, ‘não quero o nome, eu não sou o Pink Floyd”.

E quanto às mensagens da canções…

Em dado momento da entrevista, Marcelo Courrege questionou sobre o quanto os temas das canções do músico se tornaram atuais nos últimos dias. O jornalista cita as menções a Trump, que foram feitas nos shows, e argumenta sobre a questão do racismo…

Ao longo da resposta, Waters fala sobre como o nosso país o decepcionou. O músico foi enfático ao dizer que acreditava que o Brasil era a “meca da igualdade racial”, mas foi forçado a mudar de opinião…

“Quando cheguei no Brasil, percebi como o País era racista, mal pude acreditar e fiquei muito deprimido e decepcionado”, disse o músico.

Caso você queira conferir a entrevista na íntegra, basta assistir ao vídeo que está logo abaixo…

E quanto ao filme Us + Them?

Por mais que a entrevista tenha “caminhado” para outras questões, a intenção foi falar sobre o filme Us + Them, que conta a história da incrível turnê mundial de Roger Waters.

Essa turnê passou por diversos países. Aqui no Brasil, foram oito shows e, como eu estive presente na apresentação que aconteceu no Maracanã, posso afirmar que o espetáculo foi grandioso.

Portanto, se você é fã da banda Pink Floyd e do trabalho genial feito por Roger Waters, sugiro que não deixe de conferir o filme. O registro é uma experiência audiovisual memorável. Fica a dica! Até a próxima…